• Questão 1156

    Texto I. Entre outras, constam no Dicionário Houaiss as seguintes definições a respeito do verbo vender:
    − transferir (bens ou mercadorias) para outrem em troca de dinheiro;
    − praticar o comércio de; comerciar com; negociar;
    − convencer (alguém) a aceitar (alguma coisa); persuadir (alguém) das boas qualidades de (uma ideia, um projeto
    etc.);
    − trabalhar como vendedor;
    − ser facilmente vendável; ter boa aceitação de consumo. […]

    Texto II. Também são determinantes no discurso persuasivo a afirmação e a repetição. A propaganda não pode dar margem a dúvidas; a meta é aconselhar o destinatário e conquistar a sua adesão. Daí as frases afirmativas e o uso do imperativo na peroração (“abra sua conta”, “ligue já”). A repetição objetiva minar a opinião contrária do receptor por meio da reiteração. É possível encontrá-la não apenas na construção frasal, sobretudo nos slogans que são insistentemente repetidos (quer na forma verbal quer na escrita) junto à marca do produto, mas também nas diversas inserções da peça publicitária nos veículos conforme seu plano de mídia. Não por acaso, o termo propaganda […] originou-se do verbo propagare, “técnica do jardineiro de cravar no solo os rebentos novos das plantas a fim de reproduzir novas plantas que depois passarão a ter vida própria” – uma ação, portanto,
    nitidamente repetitiva.
    (Carrascoza, João A. A evolução do texto publicitário. São Paulo: Futura, 1999, p. 44 e 45)

    Com base no Texto II, conclui-se que o sentido de propaganda está corretamente expresso em:

    A.
    repetição de uma única ideia até que o público a quem se dirige a mensagem se canse de ouvir sempre as mesmas frases.
    B.
    serviços oferecidos por um vendedor, ao criar novas ideias em um mercado já estabilizado e conhecido.
    C.
    imitação por vendedores de um fenômeno da natureza, o de espalhar ideias como se faz a reprodução de plantas.
    D.
    difusão de mensagens convincentes e repetitivas, faladas ou escritas, nos meios de comunicação, visando ao consumo de um produto.
    E.
    insistência voltada para os benefícios trazidos pelo consumo, seja de produtos naturais, seja de objetos criados pelo homem.

Discussão (0)

  • Você precisa estar logado para fazer um comentário!

    Login